10/06/2015

Vasco quer cortar Bernardo: ´nem igreja foi suficiente´

Com apenas 25 anos, Bernardo acumula polêmicas que já o fazem parecer um jogador experiente. Ao mesmo tempo, tem certas atitudes que lembram um adolescente. Por conta disso, fez com que a paciência da diretoria se esgotasse em seis meses. O Vasco não tem mais interesse em contar com o meia. Todavia, só vai rescindir o contrato se for de forma amigável, algo que o atleta não pretende concordar.


Na última terça, a diretoria comunicou a Bernardo que ele não seguiria com o grupo para o período de treinamentos em Mangaratiba, entre quarta e sexta, e que teria o contrato suspenso. Ou seja, embora ainda esteja ligado ao clube, não vai receber salários pelo clube. Está prevista uma reunião nos próximos dias com a OTB Sports, empresa que agencia a carreira dele, para tentar a rescisão amigável, como aconteceu com Douglas Silva e Marcinho.


Segundo o LANCE! apurou, a suspensão do contrato abalou muito o jogador, que pretende ir ao clube nesta quarta para convencer a diretoria do contrário. Todavia, já não há mais nenhuma paciência com ele. No início do ano, alguns deslizes foram aceitados. Com as reincidências, a situação ficou insustentável.


Nos últimos meses, familiares, alguns amigos e até o técnico Doriva tentaram convencer o jogador de frequentar ativamente uma igreja evangélica na zona oeste do Rio de Janeiro. Ele até chegou a ir em oportunidades eventuais, mas não manteve presença constante. Enquanto isso, acumulou mais polêmicas fora do gramado.


Somente neste ano, Bernardo já se atrasou em treinos, deixou o gramado chorando após xingamentos da torcida, marcou festa de aniversário na hora do jogo do Vasco que havia sido vetado pelo departamento médico (desmarcou após a reportagem do L!) e chamou um torcedor para brigar pelo Instagram.


Recentemente, se envolveu em polêmicas com a ex-namorada, Patrícia Mello. Primeiramente, teve divulgados alguns vídeos íntimos com ela. Agora, foi indiciado por ela na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher. Patrícia acusa o jogador de ter agredido ela com socos e pontapés no dia 1º de junho.A mãe de Bernardo, Joelma Vieira, revelou até um pedido que faz aos amigos do jogador para evitar algumas estripulias na noite.


- Todo mundo que conhece ele sabe que ele tem um coração bom. É generoso, amigo de todo mundo. Ele só precisa estar com a família por perto. Eu falo assim para os amigos dele: vocês têm que pegar ele pelo braço quanto ele estiver saindo à noite. Não quero que ele deixe de ter amigo, só quero que peguem ele pelo braço e digam para ele ir para casa descansar - disse, em entrevista à Rádio Brasil. lance! Net*

Nenhum comentário:

Postar um comentário